Os Anjos do Pecado, 1943

Etiquetas

, , , , , , , , ,

Les anges du péchéAnne-Marie (Renée Faure) é uma jovem de família rica que, sem motivos exteriores para tal, abdica da vida secular para entrar num convento dominicano, que se especializa a reintegrar mulheres que saíram da cadeia. Notada pela sua extrema motivação, Anne-Marie vai-se dedicar a trazer consigo a rebelde Thérèse (Jany Holt), a qual vê no convento um escape, depois de matar o homem pela qual tinha sido presa. Só que, quanto mais Anne-Marie se esforça para mostrar humildade na sua dedicação a Thérèse, mais isso surge aos olhos das irmãs com um orgulho que lhe irá causar dissabores. Continuar a ler

Ciclo “Robert Bresson”

Etiquetas

, ,

Robert Bresson

Há alguns anos, alguém me ofereceu um livro sobre Robert Bresson, exortando-me a ver os seus filmes por terem muito a ver comigo. A óbvia curiosidade levou-me a encetar a tarefa, e a surpresa foi monumental.

Amado por muitos (de Tarkovsky aos realizadores da Nouvelle Vague), e incompreendido por muitos mais, Bresson tinha como principal objectivo criar um cinema (a que chamou cinematografia) que tivesse uma linguagem própria, para lá do teatro filmado em que muito cinema cai. Por isso, os seus filmes espantam pela austeridade, cenografia espartana, uso actores não profissionais que declamam o texto sem o interpretar ou dar-lhe emoção, uso de planos fechados mais atentos ao detalhe que à envolvência geral, e histórias de desespero e buscas pessoais de um ascetismo não convencional, num estilo que ainda hoje merece ser estudado, e do qual parece que nunca se disse ou compreendeu tudo.

Hoje, anos passados, chegou a altura de transformar esses visionamentos num ciclo de textos escritos neste blogue, naquilo que será uma integral das longas-metragens de um realizador que foi sempre uma voz única na cinematografia universal.

A lista de filmes

Universos Paralelos – 43 – O grindhouse de Tarantino e Rodriguez

Etiquetas

, , , , , , ,

Universos Paralelos - 43 - O grindhouse de Tarantino e Rodriguez

Pode ouvir aqui o quadragésimo terceiro episódio de Universos Paralelos:

podcast

 

Universos Paralelos é um programa da autoria de António Araújo (Segundo Take), José Carlos Maltez (A Janela Encantada) e Tomás Agostinho (Imaginauta), produzido e apresentado mensalmente no website Segundo Take.

Subscreva o podcast em:
Apple Podcasts, ou Spotify, ou por RSS

Encontre todos os episódios em www.universosparalelos.net
E siga-nos nas redes sociais procurando: universosparalelospodcast

Universos Paralelos

Fim do ciclo “Realismo poético francês”

Etiquetas

, , , , , , , , ,

Imagem de "Os Rapazes da Geral" (Les enfants du paradis, 1945), de Marcel Carné

Com o início da Segunda Guerra Mundial, o cinema francês sofreu um duro revés, não só pela canalização de recursos para o esforço de guerra, como, principalmente, com a ocupação nazi, a fuga de muitos artistas franceses, e o uso dos estúdios para um cinema de matriz diferente. O próprio governo francês viria a culpar o Realismo Poético pelo clima de derrotismo que trouxe a França. O cinema de personagens do povo, situações humanas precárias, e uma condição humana inspirada no pessimismo do realismo literário francês deixava de ser bem-vindo, e foi atirado para debaixo do tapete. A excepção foi o filme “Os Rapazes da Geral” (Les enfants du paradis, 1945), de Marcel Carné, filmado e mantido quase em segredo durante a guerra, e mesmo alterando um pouco as regras, com uma viagem ao passado, acabou por ser o filme que encerrou (com chave de ouro, diga-se!) esta corrente do cinema francês, que décadas depois, a geração do Cahiers du Cinema e da Nouvelle Vague viria a elevar como do melhor que a cinematografia francesa havia produzido.

Fica, em conclusão, a lista dos filmes aqui apresentados:

• 1931: La Chienne [The Bitch] – Jean Renoir
• 1934: L’Atalante (O Atalante) – Jean Vigo
• 1934: Maria Chapdelaine – Julien Duvivier
• 1935: Toni – Jean Renoir
• 1936: La belle équipe (Uma Mulher que não Vence) – Julien Duvivier
• 1936: Les bas-fonds (O Mundo do Vício) – Jean Renoir
• 1937: Pepe le Moko (Pépé le Moko) – Julien Duvivier
• 1937: La grande illusion (A Grande Ilusão) – Jean Renoir
• 1938: La bête humaine (A Fera Humana) – Jean Renoir
• 1938: Le quai des brumes (Cais das Brumas) – Marcel Carné
• 1939: La Règle du jeu (A Regra do Jogo) – Jean Renoir
• 1939: Le jour se lève (Foi Uma Mulher Que O Perdeu) – Marcel Carné
• 1945: Les enfants du paradis (Os Rapazes da Geral) – Marcel Carné

Textos adicionais
A lista de filmes

Os Rapazes da Geral, 1945

Etiquetas

Les enfants du paradisÉ 1827, em Paris, e na vibrante vida das ruas destaca-se o teatro Funambules, onde o mimo Baptiste (Jean-Louis Barrault) actua num palco de rua. É daí que vê a cortesã Garance (Arletty) ser acusada de um roubo, a qual ele prontamente inocenta vindo a apaixonar-se por ela. Como rival tem o pretendente a actor Frédérick Lemaître (Pierre Brasseur), que se junta à sua companhia de teatro, mas o amor de Garance foge-lhe, por procurar protecção, primeiro no criminoso Lacenaire (Marcel Herrand), e depois no Conde de Montray (Louis Salou), enquanto Baptiste e Lemaître prosseguem as suas carreiras, vidas e desventuras amorosas. Continuar a ler

Universos Paralelos – 42 – Astérix, a irredutível arte de Goscinny e Uderzo

Etiquetas

, , , , , , ,

Universos Paralelos - 42 - Astérix, a irredutível arte de Goscinny e Uderzo

Pode ouvir aqui o quadragésimo segundo episódio de Universos Paralelos, desta vez com a participação especial de Rui Alves de Sousa:

podcast

 

Universos Paralelos é um programa da autoria de António Araújo (Segundo Take), José Carlos Maltez (A Janela Encantada) e Tomás Agostinho (Imaginauta), produzido e apresentado mensalmente no website Segundo Take.

Subscreva o podcast em:
Apple Podcasts, ou Spotify, ou por RSS

Encontre todos os episódios em www.universosparalelos.net
E siga-nos nas redes sociais procurando: universosparalelospodcast

Universos Paralelos

Universos Paralelos – 41 – Os parasitas de Bong Joon-ho

Etiquetas

, , , , ,

Universos Paralelos - 41 - Os parasitas de Bong Joon-ho

Pode ouvir aqui o quadragésimo primeiro episódio de Universos Paralelos:

podcast

 

Universos Paralelos é um programa da autoria de António Araújo (Segundo Take), José Carlos Maltez (A Janela Encantada) e Tomás Agostinho (Imaginauta), produzido e apresentado mensalmente no website Segundo Take.

Subscreva o podcast em:
Apple Podcasts, ou Spotify, ou por RSS

Encontre todos os episódios em www.universosparalelos.net
E siga-nos nas redes sociais procurando: universosparalelospodcast

Universos Paralelos

Foi Uma Mulher Que O Perdeu, 1939

Etiquetas

, , , , , , , ,

Le jour se lèveNum prédio, ouvem-se tiros, e de um dos apartamentos sai um homem cambaleante, morrendo nas escadas, para espanto dos outros inquilinos. Nesse apartamento mora François (Jean Gabin), que logo repudia todos os que dele se aproximam, e se barrica em casa, quando chegam as autoridades. Aí, François começa a recordar os últimos meses, desde que conheceu Françoise (Jacqueline Laurent), uma florista por quem se veio a apaixonar. Mas se o romance parecia florescer, a descoberta de uma relação entre Françoise e o artista de palco Valentin (Jules Berry) veio deitar tudo a perder. Continuar a ler

A Regra do Jogo, 1939

Etiquetas

, , , , , , , , , , ,

La règle du jeuQuando o aviador André Jurieux (Roland Toutain) aterra, após bater um recorde de travessia do Atlântico, a sua única preocupação é a ausência de Christine (Nora Gregor), a mulher que ama, e que está casada com o Marquês de Chesnaye (Marcel Dalio). Com seu amigo Octave (Jean Renoir), também admirador de Christine, André vai à festa do Marquês, num retiro na sua mansão de campo, disposto a reconquistar Christine, num evento onde está também Geneviève (Mila Parély), amante do Marquês, e que tudo tem para um fim-de-semana de intrigas, enganos e traições. Continuar a ler

Cais das Brumas, 1938

Etiquetas

, , , , , , , , , , , ,

Le quai des brumesJean (Jean Gabin) é um desertor de uma guerra não nomeada chegado à boleia a Le Havre. Aí esconde-se no bar de Panama (Édouard Delmont), onde conhece a também fugitiva Nelly (Michèle Morgan). Esta, depois do desaparecimento do seu ex-noivo Maurice, esconde-se do padrinho Zabel (Michel Simon), e dos gangsters de Lucien (Pierre Brasseur) que procuram Maurice. Ajudando Jean a obter documentos, e apaixonando-se por ele, Nelly vai ganhar força para resistir a Zabel e a Lucien, percebendo que os dois homens a desejam, o que pode ferir os intentos do par, de escapar para longe. Continuar a ler