Etiquetas

, , , , , , ,

House of UsherSinopse:

Viajando de Boston, Philip Winthrop (Mark Damon) chega à remota casa de Usher, onde vem anunciar o seu noivado com Madeline Usher (Myrna Fahey). Mas para seu espanto, é recebido com indiferença pelo irmão desta, Roderick (Vincent Price), que não só tenta evitar que Philip veja Madeline, como o incita a voltar a Boston imediatamente. Perante a sua insistência, Philip começa a ser iniciado na história de tragédia da família, que sente a morte aproximar-se como uma maldição. Disposto a lutar contra o destino, Philip tenta levar consigo Madeline, mesmo que para isso tenha que desafiar Roderick.

Análise:

“A Queda da Casa Usher” foi o primeiro de uma série de oito filmes produzidos e realizados por Roger Corman para a AIP (American International Pictures), baseados em histórias de Edgar Allan Poe. Desses oito filmes, sete foram protagonizados por Vincent Price, que acrescentava assim à sua carreira de mestre do terror, uma série de teor gótico, filmada a cores, numa estética muito próxima do que a Hammer Films fazia ao mesmo tempo na Inglaterra pelas mãos de Terence Fisher. Tal representou para a AIP uma mudança de estratégia, já que até aí se especializara em filmes a preto e branco e de baixo orçamento.

Em pleno clima gótico temos, em destaque no filme, os vários elementos que o identificam. Temos a casa (aliás presente desde o título) como, mais que um espaço físico, uma protagonista no centro dos acontecimentos. Temos o século XIX. Temos atmosfera decadente, que relembra o passado (não só pela antiguidade da casa, mas também pela ligação aos antepassados da família). Temos a tragédia pendente sobre os protagonistas, onde a arrogância de querer mudar o destino se tornará motor da perdição.

Com argumento do célebre escritor de ficção cientifica e fantasia, Richard Matheson, o filme tem algumas variações em relação ao conto de Poe, mas mantém a ideia original da famíla que sofre de hiperestesia (hipersensibilidade à luz, som, odor, paladar e toque), o que é visto por Roderick (Vincent Price) como uma maldição provinda da vida de crime e terror dos seus antepassados.

Roderick é portanto o arauto da desgraça, com um Vincent Price de cabelo bem claro, na sua habitual pose aristocrática, aqui abatido e derrotado, como que esperando a morte, desejando-a, e convidado ao ambiente macabro que as suas acções vão provocar. Desse modo a vítima é por um lado a irmã, Madeline (Myrna Fahey), mas principalmente o forasteiro Philip (Mark Damon), que nunca conseguirá compreender a dimensão da tragédia que paira sobre a família. A identificação entre família e casa é total quando a morte dos Usher coincide com o abatimento do edifício que se desmorona no lago que o rodeia.

Com “A Queda da Casa Usher”, muito graças à inspirada cenografia que nos deu a mansão Usher, e à interpretação de Vincent Price, Roger Corman deu aos fãs de Edgar Allan Poe uma transposição visual dos contos do célebre autor gótico, que ficaria para sempre no imaginário todos como uma das mais fiéis.

Depois das versões anteriores: “The Fall of the House of Usher” (1928) de James Sibley Watson, “La chute de la Maison Usher” (1928) de Jean Epstein e “The Fall of the House of Usher” (1949) de Ivan Barnett, a história viria ainda a ser adaptada ao cinema por Jan Švankmajer (1982), Jesús Franco (1983), Alan Birkinshaw (1989), Ken Russell (2002), Robert Leatherwood (2004), Hayley Cloake (2006), David DeCoteau (2008) e Raul Garcia (2012), entre outros.

Produção:

Título original: House of Usher; Produção: Alta Vista Productions; Produtor Executivo: James H. Nicholson; País: EUA; Ano: 1960; Duração: 76 minutos; Distribuição: American International Pictures (AIP); Estreia: 22 de Junho de 1960 (EUA).

Equipa técnica:

Realização: Roger Corman; Produção: Roger Corman; Argumento: Richard Matheson [baseado no conto de Edgar Allan Poe]; Música: Les Baxter; Fotografia: Floyd Crosby [filmado em Cinemascope]; Design de Produção: Daniel Haller; Montagem: Anthony Carras; Efeitos Especiais: Pat Dinga, Ray Mercer; Pinturas: Burt Shoenberg; Caracterização: Fred B. Phillips; Figurinos: Marjorie Corso.

Elenco:

Vincent Price (Roderick Usher), Mark Damon (Philip Winthrop), Myrna Fahey (Madeline Usher), Harry Ellerbe (Bristol).