O Falso Culpado, 1956

Etiquetas

, , , , , , , , , ,

The Wrong ManVoltando a estrear dois filmes num mesmo ano (algo que já fizera em 1954 e 1955), Alfred Hitchcock mostrava-se em grande forma, com mais um filme muito elogiado pela crítica. “O Falso Culpado” foi o último filme de Hitchcock para a Warner Bros., distribuidora com quem estava desde 1948, altura em que deixou a Paramount Pictures para filmar dois filmes com a sua Transatlantic Pictures. Partindo de uma história verídica, Hitchcock compôs um filme que é uma viagem quase documental sobre um homem acusado de um crime que não cometeu. No principal papel estava Henry Fonda, ao lado de Vera Miles e Anthony Quayle. Continuar a ler

Paragem de Autocarro, 1956

Etiquetas

, , , , , , , , , ,

Bus StopSinopse:
Beauregard Decker (Don Murray) é um extrovertido e ingénuo cowboy, que sai pela primeira vez do seu rancho em Montana, para ir a Phoenix com o seu amigo Virgil (Arthur O’Connell) competir no rodeo local. Ao chegar, Beau enamora-se da cantora de saloon, Chérie (Marilyn Monroe), com a qual decide imediatamente casar. Mesmo que Chérie não tenha a mesma intenção e que Virgil o advirta para o facto de que ela não é uma mulher do tipo que se esperaria para esposa, Beau é surdo a tudo e todos. Na sua teimosia arrasta Chérie atrás de si, praticamente raptando-a de volta a Montana, sem que esta perceba o que está a acontecer. Continuar a ler

Listas – Monstros da Universal

Etiquetas

, , , , , , , , ,

Boris Karloff em "Frankenstein" (1931) de James Whale

Começando ainda na era do cinema mudo, a Universal aventurou-se ao criar filmes de terror, nalgumas vezes baseados em clássicos da literatura, e inspirados cinematografia alemã, por vezes até dirigidos por mestres do expressionismo como Paul Leni, e onde se destacou Lon Chaney. Mas foi nos anos 30 e 40, com a produção das séries Drácula, Frankenstein, Múmia e Homem Lobo, que a Universal se destacou como a produtora máxima do terror de Hollywood. Sob a direcção de Tod Browning, James Whale e Karl W. Freund, surgiam Boris Karloff, Bela Lugosi e Lon Chaney Jr., os mais famosos monstros da Universal. A série evoluiu e definhou depois de muitas sequelas de qualidade decrescente, que se tornaram simples feiras de monstros, até às paródias de Abbott & Costello. Foi ainda tentado um ressurgir nos anos 50, com um misto de horror e ficção científica, de onde sairia o Monstro da Lagoa Negra, mas o encanto inicial estava já perdido.

Era muda:
• 1923: The Hunchback of Notre Dame (Nossa Senhora de Paris) – Wallace Worsley [Lon Chaney]
• 1925: The Phantom of the Opera (O Fantasma da Ópera) – Rupert Julian [Lon Chaney, Mary Philbin]
• 1927: The Cat and the Canary (O Legado Tenebroso) – Paul Leni [Laura LaPlante]
• 1927: The Last Performance (O Grande Ilusionista) – Pál Fejös [Conrad Veidt, Mary Philbin]
• 1928: The Man Who Laughs (O Homem Que Ri) – Paul Leni [Mary Philbin, Conrad Veidt]
• 1929: The Last Warning (Teatro Maldito) – Paul Leni [Laura LaPlante]

Era Dourada – Os clássicos e suas sequelas:
• 1931: Frankenstein (Frankenstein, o homem que criou o monstro) – James Whale [Boris Karloff]
• 1931: Dracula (Drácula) – Tod Browning [Bela Lugosi]
• 1932: The Mummy (A Múmia) – Karl W. Freund [Boris Karloff]
• 1932: Murders in the Rue Morgue (O Crime da Rua Morgue) – Robert Florey [Bela Lugosi]
• 1932: The Old Dark House – James Whale [Boris Karloff, Melvyn Douglas, Charles Laughton]
• 1933: The Invisible Man (O Homem Invisível) – James Whale [Claude Rains]
• 1934: The Black Cat (Magia Negra) – Edgar G. Ulmer [Boris Karloff, Bela Lugosi]
• 1935: The Raven (O Corvo) – Lew Landers [Boris Karloff, Bela Lugosi]
• 1935: Werewolf of London (O Lobo Humano) – Stuart Walker [Henry Hull]
• 1935: The Bride of Frankenstein (A Noiva de Frankenstein) – James Whale [Boris Karloff]
• 1936: Dracula’s Daughter (Vampiro Humano) – Lambert Hillyer [Gloria Holden]
• 1936: The Invisible Ray (O Raio Invisível) – Lambert Hillyer [Boris Karloff, Bela Lugosi]
• 1937: Night Key (Chave Misteriosa) – Lloyd Corrigan [Boris Karloff]
• 1939: The Phantom Creeps (A Sombra Destemida) – Ford Beebe, Saul A. Goodkind [Bela Lugosi]
• 1939: Son of Frankenstein (O Filho de Frankenstein) – Rowland V. Lee [Boris Karloff, Bela Lugosi]
• 1939: Tower of London (A Torre de Londres) – Rowland V. Lee [Boris Karloff, Basil Rathbone]
• 1940: Black Friday (Sexta-Feira, 13) – Arthur Lubin [Boris Karloff, Bela Lugosi]
• 1940: The Invisible Man Returns (A Volta do Homem Invisível – Joe May [Cedric Hardwicke, Vincent Price]
• 1940: The Invisible Woman (A Mulher Invisível) – Edward Sutherland [Virginia Bruce, John Barrymore]
• 1940: The Mummy’s Hand (A Mão da Múmia) – William Christy Cabanne) [Tom Tyler]
• 1941: Man Made Monster (O Homem que Fabricava Monstros) – George Waggner [Lon Chaney, Jr.]
• 1941: The Wolf Man (O Homem Lobo) – George Waggner [Lon Chaney, Jr., Bela Lugosi]
• 1941: The Black Cat (O Gato Preto) – Albert S. Rogell [Basil Rathbone, Bela Lugosi]
• 1941: Horror Island (A Ilha do Horror) – George Waggner [Dick Foran]
• 1942: The Ghost of Frankenstein (A Sombra de Frankenstein) – Erle C. Kenton [Lon Chaney, Jr., Bela Lugosi]
• 1942: Night Monster – Ford Beebe [Bela Lugosi]
• 1942: Invisible Agent (O Homem Invisível Contra a Gestapo – Edwin L. Marin [Peter Lorre]
• 1942: The Mummy’s Tomb (O Túmulo da Múmia) – Harold Young [Lon Chaney, Jr.]
• 1942: Frankenstein Meets the Wolfman (Frankenstein Contra o Homem Lobo) – Roy William Neill) [Lon Chaney, Jr., Bela Lugosi]
• 1943: The Phantom of the Opera (O Fantasma da Ópera) – Arthur Lubin) [Claude Rains]
• 1943: Son of Dracula (O Filho de Drácula) – Robert Siodmak [Lon Chaney, Jr., Evelyn Ankers]
• 1943: Captive Wild Woman (A Cativa Selvagem) – Edward Dmytryk [John Carradine, Acquanetta, Evelyn Ankers]
• 1943: The Mad Ghoul (Traficante Macabro) – James P. Hogan [Turhan Bey, Evelyn Ankers]
• 1943: Calling Dr. Death (O Doutor Morte) – Reginald Le Borg [Lon Chaney, Jr.]
• 1944: Weird Woman (A Mulher Espectro) – Reginald Le Borg [Lon Chaney, Jr., Evelyn Ankers]
• 1944: Dead Man’s Eyes (O Olhos do Morto) – Reginald Le Borg [Lon Chaney, Jr., Acquanetta]
• 1944: The Climax (Terror na Ópera) – George Waggner [Boris Karloff]
• 1944: House of Frankenstein (A Casa de Frankenstein) – Erle C. Kenton [Boris Karloff, Lon Chaney, Jr., John Carradine]
• 1944: The Invisible Man’s Revenge (A Vingança do Homem Invisível) – Ford I. Beebe [John Carradine]
• 1944: Jungle Woman (Monstro Humano) – Reginald Le Borg [Acquanetta, Evelyn Ankers]
• 1944: The Mummy’s Ghost (A Múmia Fantasma) – Reginald Le Borg [Lon Chaney, Jr., John Carradine]
• 1944: The Mummy’s Curse (A Maldição da Múmia) – Leslie Goodwins [Lon Chaney, Jr.]
• 1945: The Jungle Captive (A Mulher Gorila) – Harold Young [Otto Kruger, Vicky Lane]
• 1945: House of Dracula (O Castelo de Drácula) – Erle C. Kenton [Lon Chaney, Jr., John Carradine]
• 1945: The Frozen Ghost (Aparição Sinistra) – Harold Young [Lon Chaney, Jr., Evelyn Ankers]
• 1945: Strange Confession – John Hoffman [Lon Chaney, Jr.]
• 1945: Pillow of Death (Na Escuridão da Noite) – Wallace Fox [Lon Chaney, Jr.]
• 1946: House of Horrors (A Casa dos Horrores) – Jean Yarbrough [Rondo Hatton]
• 1946: The Brute Man – Jean Yarbrough [Rondo Hatton]
• 1946: She-Wolf of London (A Mulher Loba) – Jean Yarbrough [June Lockhart]

A Paródia:
• 1948: Abbott and Costello Meet Frankenstein (Abbott e Costello e os Monstros) – Charles Barton [Lon Chaney, Jr., Bela Lugosi]
• 1951: Abbott and Costello Meet the Invisible Man (Abbott e Costello e o Homem Invisível) – Charles Lamont
• 1953: Abbott and Costello Meet Dr. Jekyll and Mr. Hyde (Abbott e Costello Entre o Médico e o Monstro) – Charles Lamont [Boris Karloff]
• 1955: Abbott and Costello Meet the Mummy (Abbott e Costello e a Múmia) – Charles Lamont [Eddie Parker]

Os monstros tardios e a ficção científica:
• 1951: The Strange Door (O Castelo Maldito) – Joseph Pevney [Charles Laughton, Boris Karloff]
• 1952: The Black Castle (O Castelo do Pavor) – Nathan Juran [Boris Karloff]
• 1953: It Came From Outer Space (Vieram do Espaço) – Jack Arnold [Richard Carlson]
• 1954: Creature from the Black Lagoon (O Monstro da Lagoa Negra) – Jack Arnold [Richard Carlson]
• 1955: Revenge of the Creature (A Vingança do Monstro) – Jack Arnold [John Agar, Jeff Morrow]
• 1955: Cult of the Cobra – Francis D. Lyon [Faith Domergue]
• 1955: This Island Earth (S.O.S. Metaluna) – Joseph M. Newman, Jack Arnold [Faith Domergue]
• 1955: Tarantula (Tarântula, a Aranha Gigante) – Jack Arnold [John Agar]
• 1956: The Creature Walks Among Us – John Sherwood [Jeff Morrow]
• 1956: The Mole People – Virgil W. Vogel [John Agar]
• 1957: The Deadly Mantis (Louva-a-Deus (Insecto Assassino)) – Nathan Juran
• 1957: The Monolith Monsters – John Sherwood
• 1958: Monster on the Campus – Jack Arnold
• 1958: The Thing That Couldn’t Die – Will Cowan
• 1959: Curse of the Undead – Edward Dein
• 1960: The Leech Woman – Edward Dein

O Pecado Mora ao Lado, 1955

Etiquetas

, , , , , ,

The Seven Year ItchSinopse:
Todos os Verões é tradição os homens de Manhattan enviarem as famílias para passar algumas semanas num lugar mais fresco, enquanto eles ficam a trabalhar. Só que a maioria vê isso como um período de liberdade, em que podem comportar-se como quiserem, sem regras nem horários, aproveitando mesmo para escapadelas amorosas. Avesso a tudo isso está Richard Sherman (Tom Ewell), um editor literário, casado, e com um filho, que está decidido a manter a promessa de não fumar, não beber, e claro, nunca olhar para outra mulher. O problema é a chegada de uma jovem e voluptuosa loura (Marilyn Monroe) para o andar de cima, que vai abalar todas as resistências de Tom. Continuar a ler

O Homem que Sabia Demais, 1956

Etiquetas

, , , , , , , , , ,

The Man Who Knew Too MuchPela primeira e única vez, Alfred Hitchcock realizou um remake de um dos seus filmes. E se a versão original de “O Homem que Sabia Demais” foi o seu primeiro sucesso internacional, esta segunda foi um sucesso ainda maior. Com James Stewart e Doris Day nos principais papéis, voltava a história do casal cujo filho foi raptado para calar um segredo, numa típica construção do suspense de Hitchcock. Com argumento de John Michael Hayes, o filme surgiu sobretudo para finalizar um antigo contrato com a Paramount Pictures. Continuar a ler

Parada de Estrelas, 1954

Etiquetas

, , , , , , , , , ,

There's No Business Like Show BusinessSinopse:
Em 1919, Molly (Ethel Merman) e Terry Donahue (Dan Dailey) constituem os Donahues, um aclamado par de vaudeville, que nas décadas seguintes incluirá os seus três filhos Steve (Johnnie Ray), Katy (Mitzi Gaynor) e Tim (Donald O’Connor) no espectáculo que se chamará “Os Cinco Donahues”. Mas com a adolescência os três filhos começam a ter ideias próprias que vêm pôr termo à troupe familiar. Primeiro é Steve que opta pela carreira de padre, depois Katy e Tim que vão para a Broadway, este por amor da estrela em ascensão Vicky Parker (Marilyn Monroe). Só que enquanto Katy assenta e casa, Tim vai deixar que as desilusões amorosas quase o destruam. Continuar a ler

Listas – Gangsters dos anos 30

Etiquetas

, ,

Humphrey Bogart e James Cagney em "Anjos de Cara Negra" (Angels with Dirty Faces, 1938) de Michael Curtiz

Com o advento de som, e dos filmes de acção, surgiu uma nova vaga de filmes de crime, principalmente saídos da Warner Brothers, em que se pretendia mostrar heróis de cara suja, e histórias de perdedores, que contrastassem com o glamour habitual de Hollywood. Com inspiração na Lei Seca dos anos 20 (quando mitos como o de Al Capone dominavam as atenções) e atravessando a Grande Depressão dos anos 30, filmes de Gangsters tornaram-se extremamente populares. Actores como James Cagney, George Raft, Edward G. Robinson e Humphrey Bogart passaram a heróis da tela, levando a que as produtoras tivessem que explicar que estavam a condenar, e não a glorificar o crime. Embora este olhar sobre o crime organizado tenha durado pouco mais que uma década, as suas repercussões fazem-se ainda sentir até hoje.


• 1928: Me, Gangster – Raoul Walsh
• 1928: The Racket (A Lei dos Fortes) – Lewis Milestone
• 1931: City Streets (Ruas da Cidade) – Rouben Mamoulian
• 1931: Little Caesar (O Pequeno César) – Mervyn LeRoy
• 1931: Smart Money (Dinheiro Fácil) – Alfred E. Green
• 1931: The Public Enemy (O Inimigo Público) – William A. Wellman
• 1932: Scarface (Scarface, o Homem da Cicatriz) – Howard Hawks
• 1932: The Beast of the City (Fera da Cidade) – Charles J. Brabin
• 1933: Lady Killer (O Irresistível) – Roy Del Ruth
• 1933: Penthouse (Um Crime Num Terraço) – W.S. Van Dyke
• 1935: G-Men (O Império do Crime) – William Keighley
• 1935: Let ‘em Have It (Caras Falsas) – Sam Wood
• 1935: The People’s Enemy – Crane Wilbur
• 1935: The Whole Town’s Talking (Não Se Fala Noutra Coisa) – John Ford
• 1936: Bullets or Ballots (Guerra ao Crime) – William Keighley
• 1937: Dead End (Ruas de Nova Iorque) – William Wyler
• 1937: The Last Gangster (O Último Gangster) – Edward Ludwig
• 1938: A Slight Case of Murder (Um Crime sem Importância) – Lloyd Bacon
• 1938: Angels with Dirty Faces (Anjos de Cara Negra) – Michael Curtiz
• 1938: I Am the Law (Derrocada do Crime) – Alexander Hall
• 1938: Racket Busters – Lloyd Bacon
• 1938: Smashing the Rackets – Lew Landers
• 1938: The Amazing Dr. Clitterhouse (O Génio do Crime) – Anatole Litvak
• 1939: The Roaring Twenties (Heróis Esquecidos) – Raoul Walsh
• 1940: Brother Orchid (Orquídea Brava) – Lloyd Bacon
• 1941: High Sierra (O Último Refúgio) – Raoul Walsh
• 1942: Larceny, Inc. (Não Vale a Pena Roubar) – Lloyd Bacon

Fogo Mágico, 1955

Etiquetas

, , , , , , , , , , , , , ,

Magic FireSinopse:
A vida de Richard Wagner é-nos mostrada com narração do próprio compositor (Alan Badel), desde que tentou fazer nome em Paris em 1839, até ao seu triunfo sob o patrocínio de Luís II da Baviera (Gerhard Riedmann) a partir de 1862. Pelo meio acompanhamos os seus casamentos, com Minna Planer (Yvonne De Carlo) e com Cosima Liszt (Rita Gam), o seu envolvimento nas revoltas de 1849 em Dresden, a amizade com Franz Liszt (Carlos Thompson), o exílio em Paris e na Suíça, a paixão ilícita por Mathilde Wesendonk (Valentina Cortese), e as suas lutas contra as convenções artísticas do seu tempo para criar uma ópera diferente e uma identidade musical puramente germânica. Continuar a ler

Rio sem Regresso, 1954

Etiquetas

, , , , , , , ,

River of No ReturnSinopse:
Matt Calder (Robert Mitchum) vai buscar o filho Mark (Tommy Rettig) a um aldeamento mineiro, para viver consigo após a mãe deste ter morrido. Ali Mark trava amizade com Kay (Marilyn Monroe), uma cantora de cabaret. Quando o noivo de Kay, Harry Weston (Rory Calhoun), ganha uma mina ao jogo, o casal inicia uma viagem para Council City, para registar a licença da mina. Mas quando a sua jangada quase naufraga, são salvos por Matt, só que Weston não quer esperar mais roubando a arma e cavalo de Matt, deixando-o vulnerável ao ataque dos índios. Matt, Mark e Kay iniciam então uma viagem desesperada, para fugir aos índios e recuperarem o que é seu. Continuar a ler

O Terceiro Tiro, 1955

Etiquetas

, , , , , , , ,

The Trouble with HarryO ano de 1955 foi não só um ano em que Alfred Hitchcock estreou dois filmes no cinema, como foi o ano de estreia da popular série televisiva “Alfred Hitchcock Apresenta”, que duraria cerca de uma década. De particular importância para essa série foi o seu segundo filme deste ano, “O Terceiro Tiro”, uma história macabra com um finíssimo humor negro. O filme foi a sua terceira produção para a Paramount, o primeiro da sua própria Alfred J. Hitchcock Productions, e a primeira colaboração de Hitchcock com o compositor Bernard Herrman. Como protagonistas estavam John Forsythe, Shiley MacLaine (a sua estreia em cinema), Edmund Gwenn e Mildred Natwick. Continuar a ler

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 62 outros seguidores